Filme: Lola

Nota:
Lola namora Chad. Ele têm uma banda e ensaia quase todos os dias para o grande show da escola. Tudo ia muito bem entre eles até Lola descobrir que Chad é na verdade um galinha. Para piorar suas notas na escola vão de mal a pior, por ficar pensando sobre sua vida pessoal. Sua mãe está tão brava com as confusões de Lola que não vai mais deixar ela ir à Paris no final do semestre com a escola. Só que as coisas ficam ainda mais complicadas quando Lola percebe que Kyle, seu melhor amigo, pode ser muito mais que isto. O que fazer agora, se todos eles só pensam em se divertir e curtir?
Adolescência... quem já passou acha que é fácil, que nunca deu nenhum problema aos pais, mas a verdade que é que esse período é de transição, de descoberta, é quando começamos a descobrir quem somos e o que queremos ser, quando testamos nossos limites e nos rebelamos contra tudo e contra todos (nem todo mundo, mas...), é nesse contexto que conhecemos Lola, uma adolescente “rebelde” que está se descobrindo, montando um circulo de amizades que enfrenta a mesma fase que ela.



Lola passa por essa fase como a maioria dos adolescentes, quer agradar aos amigos e ser feliz, para isso assume atitudes que mesmo não sendo características dela fazem com que seja notada por seu circulo social, tanto que em determinado momento tenta atrair a atenção do então namorado contando vantagem sobre algo que sequer aconteceu, fazendo assim com que seu relacionamento tome um novo rumo e novos acontecimentos surjam a partir deste ponto.

Além disso, vemos outros estereótipos de adolescentes: a amiga apaixonada pelo professor, o nerd que gosta da menina que nem liga para ele, a menina que é vista como a “galinha” da escola, o cara mais cobiçado e o melhor amigo que pode ser muito mais mesmo que você nunca tenha percebido isso. Também temos Anne, mãe de Lola, interpretada pela atriz Demi Moore que mesmo convencendo no papel, já esteve melhor nas telas.



Ao todo o filme é mais do mesmo quando falamos sobre filmes de adolescentes, fora que ora o filme é apresentado como comédia ora como drama, mas infelizmente não se aprofunda em nenhum dos dois gêneros deixando a abordagem para tratar do assunto um tanto quanto superficial. O lado positivo é que apresenta a adolescência como é hoje, com jovens conectados nas redes sociais, mas que ao mesmo tempo tem os mesmos problemas que seus pais tiveram na adolescência (mesmo que não admitam).
Curiosidades:
  • Lola é a versão americana do filme francês Rindo à Toa de 2008;
  • O nome original do filme é LOL (Laughing Out Loud), que na versão nacional ganhou o nome da protagonista;
  • Tanto a versão americana quanto a francesa receberam o mesmo nome: LOL;
  • Tanto a versão americana quanto a francesa possuem a mesma diretora e roteirista: Lisa Azuelos;
  • É um dos poucos filmes de Miley Cyrus onde a cantora não aparece na trilha sonora;
  • O filme foi um fracasso de bilheteria arrecadando apenas arrecadou US$ 46,5 mil durante o primeiro fim de semana, o que não chegou nem perto do gasto do filme e do esperado.
Assista o trailer:

Comente com o Facebook:

30 comentários:

  1. Eu não conhecia o filme ,parece ser ótimo , irei assistir assim que der . E gostei " A amizade não é tão fácil de se transformar em amor " , realmente não rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Definitivamente não é, ainda mais quando um dos lados resolve complicar tudo e ver coisa onde não existe.

      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  2. Eu fui ver o filme esperando algo melhor, embora normal.
    Mas achei beeeem decepcionante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena, eu não me decepcionei tanto, pois já assisti sem muita expectativa, mas no geral é interessante


      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  3. É, infelizmente não chegou perto da bilheteria estimada, mas eu achei que é um filme muito bom e que merecia mais reconhecimento.
    http://exceptionss.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Temos que considerar também que a estimativa da bilheteria é feita com base nos gastos e considerando que temos a Miley e a Demi no elenco, não devem ter sido gastos baixos.


      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  4. Não engulo essa menina.... não sei porque, o único filme que ela fez e eu gostei, foi A Última Nota, só porque amo o livro! u.u kkkkkkk

    bjo bjo^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nunca li o livro, mas o filme ficou bem legal, fora isso não posso dizer se gosto ou desgosto dela como atriz, acho apenas que ela deveria achar um gênero no qual se enquadre mais e depois se aventure em outros.


      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  5. Filme quando a Miley ainda era " normal "...kkkk Não é um filme que eu curto muito, mais deve ser um filme regular, por mais que tenha sido um fracasso de bilheteria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Diria que é passavel, para uma sessão da tarde sem expectativas.


      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  6. Trailer e sinopse não me empolgaram pra ver esse filme, o elenco não ajudou muito e sua resenha meio que deu a decisão final de que não assistirei. xD Parece muito - muito - estereotipado e, como você disse, mais do mesmo. Um filme sessão da tarde com faixa etária mais específica. E eu tenho um eterno problema com a "rebeldia" na maioria dos filmes adolescentes, que parece não ter justificativa ou motivo real aparente, além de ter "cura". (?)

    Beijos :D
    lui-lilymon.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A única justificativa é a idade, fora isso é cabeça-dura mesmo, algumas coisa que acontecem parecem não ter justificativa é mais por impulso.


      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  7. Concordo que a adolescência é sempre complicada, em um dia queremos uma coisa, em outro, outra completamente diferente ... rsrs
    O filme parece bem legal, mas acho que não assistiria pois não é meu estilo! :)
    beijos e bom final de semana ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem sabe num dia sem mais nada para assistir ;)


      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  8. Já ouvi falar tanto desse filme, mas ainda não tive a oportunidade de assisti-lo.

    http://lagrimas-de-diamante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Eu já vi o filme também, como você eu não curti muito, para mim ficou faltando algo mais sabe, mas nele vemos exatamente como são os adolescentes, é uma realidade, e que legal essa curiosidade hein um dos poucos filmes da Miley Cyrus que ela não participa da trilha sonora, confesso que eu fiquei esperando ela cantar, quando vi que o carinha o amigo dela, que ela gostava, participava de uma banda.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também fiquei o filme inteiro esperando que ela cantasse ou fizesse uma participação na banda, mas nada

      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  10. Que filme interessante ^^ Pode ser que em breve eu dê uma chance a ele, quem sabe para me distrair em um daqueles dias turbulentos. Percebi pelos outros comentários que nem todos gostaram e isso é legal porque me deixar mais interessada em assistir para saber qual será minha opinião.

    Abraços.
    Natalia,
    http://musicaselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assista sim, mas sem muitas expectativas, assim a chance de se decepcionar é menor

      Abraços
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  11. Oi Patricia,
    tudo bem?
    Acho que eles queriam fazer sucesso as custas da imagem da Miley Cyrus, que antes era um sucesso entre as adolescentes. pena que não desenvolveram nem um tema nem outro. Mas serve para passar o tempo. Não gostei do comportamento d personagem em inventar uma história só para conquistar um rapaz. Tomara que no fim o filme haja uma mensagem construtiva, provando que isso está errado.
    beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Clia,
      é bem capaz da intenção ter sido essa mesmo, mas infelizmente não abordaram nem uma coisa nem outra no filme, o bom é que pelo menos retrataram os adolescentes como são em sua maioria.

      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  12. Eu já vi esse filme em vários lugares, mas ainda não assisti, e pelo que sei não é dos melhores, bem como tem ai nas curiosidades, o filme não arrecadou quase nada de bilheteria, e isso já é um sinal. Pretendo assisti, até porque gosto da Miley como atriz, já assisti outros filmes com ela e gostei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei como foi a campanha em outros países, mas a impressão que tive é que aqui pelo menos foi direto para dvd.
      Concordo com vc, ela é uma boa atriz.

      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  13. Este filme foi muito superficial. Mas, até que eu gostei para um sábado à tarde.

    Beijos

    www.booklover.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato, para um sábado à tarde é perfeito.

      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  14. Pela história parece bem fraco, eu não pararia pra assisti-lo.

    Luciana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Honestamente, parei pq o sinal do telecine estava liberado, caso contrário não iria procurar p ver, mas não me arrependi, foi um bom entretenimento

      bjo
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir
  15. Eu gosto desses filmes adolescentes! <3
    Em tempo: Cabelo lindo da Miley..pena que hj ela usa curtinho =((

    Beijos!
    Lygia - Brincando com Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não entendo pq ela fez isso com o cabelo, era tão lindo!

      bjos
      Pah - Lendo e Escrevendo

      Excluir